Fundada em 29 de janeiro de 1972 como bloco, a escola começou a desfilar sem enredos e os integrantes eram apenas homens, com o passar do tempo, as mulheres começaram a fazer parte dos desfiles. É pentacampeã dos concursos de bloco por cinco anos consecutivos, devido ao seu sucesso, por sugestão da prefeitura, Jucutuquara virou escola de samba em 1986. Chegou a ser campeã do segundo grupo e vice-campeã no primeiro.

Samba Enredo 2019




Compositores: Luiz Felipe, Kátia Maués,
Leonardo Reis, Igor De Boni.


Um dia, simplesmente apareci,
nos braços da virgem Maria.
Na minha juventude a me inspirar,
folguedos da cultura popular,
do reizado ao cacumbi, da taieira à chegança.
Em obras descrevi minhas lembranças.

Inventei todas palavras,
com fios teci, minha liberdade,
palavras canteiras, palavras cantadas,
escritas, bordadas, pintadas, verborragia…
Assim meu universo surgiria.

Se é loucura sonhar,
sou sonhador.
Se é loucura amar,
eu sou amor.

Meu mundo eu tinha na palma da mão,
pelas belas rainhas tive adoração,
mas se importância não há…
Fique atento! É o final dos tempos!
Juízo final! A passagem está pra chegar.

Embarque na loucura!
A coruja vai te levar.
Velas, mastros, embarcações,
vento, mar e arrastões.
O encontro com o criador,
Jucutuquara anunciou.

De braços abertos a transformação,
bordando as cores do meu pavilhão.
Estende seu manto Bispo do Rosário
a nação delira no seu inventário.