Fundada em 29 de janeiro de 1972 como bloco, a escola começou a desfilar sem enredos e os integrantes eram apenas homens, com o passar do tempo, as mulheres começaram a fazer parte dos desfiles. É pentacampeã dos concursos de bloco por cinco anos consecutivos, devido ao seu sucesso, por sugestão da prefeitura, Jucutuquara virou escola de samba em 1986. Chegou a ser campeã do segundo grupo e vice-campeã no primeiro.

Samba Enredo 2020




Enredo: Griot
Compositores: Rafael Mikaiá, Fernando Brito, Rodrigo Pinho, Carlos Jarjura, Roberth Melodia, Vlad Aks e André Cavalcante


Cai a noite é lua cheia
O silêncio pairou no ar
Pra escutar os contos de um ancião
Quem trás o dom, o poder de ensinar
À sombra de um Baobá
Um guardião dos segredos da vida
A sabedoria no bater de um tambor
Crenças, rituais e louvações
Cultivando milenares tradições
Nos quatro cantos o oculto desvendado
Conhecimento para os povos é levado

“Era uma vez” um baú de memórias
Preservando a essência em mais uma história
Ensinamentos, trajetória revelou
Griot guiou, guiou...

Oh! Mestre conduz o caminho
Retire os espinhos por onde eu passar
Desperte a cultura e o saber
O talento em cada ser há de revelar
Em versos, poemas, resiste a herança
No canto e na dança, negra vocação
A arte floresce na ponta dos pés
No toque das mãos, inspiração!
Vai ecoar do semba ao samba minha voz
O sonho vive em cada um de nós
Ser um eterno aprendiz...
Nas asas da coruja há esperança
Essa Nação merece um final feliz

Sou eu quem faço a história
A minha arte é de bamba
A velha guarda é quem mantém acesa a chama
Jucutuquara, eu me orgulho em dizer:
“O meu sorriso hoje e sempre é pra você”